domingo, 8 de junho de 2008

Salvou meu domingo

Lá estava eu, amargando um domingão de chuva, frio e de trabalho (pesado), querendo matar a fulana com quem me colocaram pra trabalhar - entenda-se, uma senhora russa de uns 60 anos que parece um anjo de candura, mas que é osso duro de roer (sistemática, chata, mal-educada e burra).
Enfim... O foda-se já tava ligado há muito tempo, até que uma colega peruana bacaníssima, que me viu sendo vítima da megera, me chamou no canto e em claro espanhol me disse:
"No te quedas, ella es um poco loquita, sabes?"
Hahahahahahahahaha!!!!!
Ganhei o dia que achava que já estava perdido em meio ao mau humor!!! Meus comentários na conversa vieram seguidos de: "Gracias"!!!!!

Curiosidade de além-mar: pelas leis trabalhistas daqui, se você trabalha no sábado, sua hora de trabalho vale 25% a mais; se trabalhar no domingo, 75% a mais e nos feriados, 125% mais. Justíssimoooooo!! Vocês não acham?

E os pés doem doem doem!

Beijos,

Nat

5 comentários:

.Ná. disse...

Menina, esses comentários são os melhores, né?! rsrrsrs
Acho justíssima essa lei ai.. beijos...

Lily disse...

hahahahaa... nada como gente bacana pra nos animar, não é? a gente até esquece que os chatos existem nessas horas!

mas sobre seu comentário lá no blog: amiga, estou tentando persistir no meu cu doce! rs
tô indo bem! vamos ver no que dá! acho que ruim não vai ser, de qqr forma...

bjkssss

Tititi disse...

Que lei maravilhosa! Dá até vontade de trabalhar! Mesmo com senhoras russas loquitas! hehehe
Ahh, amei seu cabelo!
Bjokas!

Carol disse...

quero implantar esses direitos trabalhistas aqui no brasil rs rs... muito joia! "cuidate" besitos

Nat, disse...

Tititi, obrigada! Ainda nao me acostumei com o tamanho, pois sempre tive cabelão, mas to adorando! Beijos!