sexta-feira, 6 de junho de 2008

Acabôô, já fooi, já fooi...

Diga adeus, diga adeus às madeixas...

Eu era assim... à la Gabriela Cravo e Canela, eita...
Não vamos comentar o fato de que SEMPRE que decido cortar a juba, um dia antes ele resolve ficar liiiiindo, ou então encontro com alguma mocréia com um cabelão comprido ma-ra-vi-lho-so! Deixa prá lá, sem comentários...

... ... ... ...
E fiquei assim... assim... sei lá
Ficou bom?
Unh... unh...
Mas ando enfrentando tanta coisa nova e ultimamente, que corte de cabelo é só um detalhe. Desabafei com a cabeleireira o quanto o coitado tava caindo, e ela disse: "Mas seu cabelo é muito natural saudável, isso deve ser porque ele ainda não se acostumou com a água, o clima...." Se meu cabelo fosse gente eu dizia pra ele: "Tá vendo? Pra quê esse desespero de ficar se jogando ralo abaixo?"

Depois de certo tempo, quando se fica íntima da escova e do secador, não importa o quão chique seja o salão, mas a gente sempre acha que faz melhor... Claaaaro que cheguei em casa, catei a chapinha cuidei de deixà-lo do meu jeito! Aff!

Beijos... mas os meus cabelos!

Nat

3 comentários:

marcinha disse...

ei.......vc tá linda, como sempre! é preciso cortar mesmo que seja muuuiiiiiito de vez em quando, com certeza ele vai parar de cair! bjjjsss... mamys!

Carol disse...

muito bacana o novo visu! te achei a cara da sua mamys ;) rs rs beijo

Nat, disse...

Ei Carol, valeu, moça! Adoro ouvir que sou parecida com ela, rsrs! Ainda não me acostumei, mas to adorando! Beijinhos!!!