quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Nos bastidores

Noite passada sonhei que estava numa praia e eu tinha que seguir caminhando pela areia. Era frio, muito frio. Mas tava sol. E as algas que estavam na areia, de verde, passavam a ficar brancas, congeladas. Aí não tinha como eu sair da praia atravessando a areia, só voltar pela beirada mesmo. Mas aí o caminho de volta passava por dentro de um negócio de ferro, que parecia um vagão de trem, todo vermelho. E eu não conseguia sair de lá mais.

Pronto, acabou.
Entendeu? Nem eu.
Adoro sonhos malucos. É a única hora em que ninguém liga se fizermos coisas estúpidas que não levam a nada.

Um comentário:

Cristal - a louca. disse...

Porra, foda é quando querem de todo jeito "decodificarem" nossos sonhos, eu ein!!!!

Eu tb adoro sonhos loucos. Adoro.

Beijocas ^^